Como sabe, a Arpaz tomou medidas especiais para esta crise. Destaco o Plano de Contingência, a proibição de visitas, a compra de equipamentos de proteção, a separação de utentes em refeitórios e salas de estar diferentes, esclarecimento das colaboradoras, a autorização para as colaboradoras poderem encomendar as suas compras de bens e medicamentos na instituição, a desinfeção das instalações contra o coronavírus, antecipando-nos às ordens e orientações da Saúde e da Segurança Social. Só fizemos o nosso dever de proteger as funcionárias e utentes.